quinta-feira, 31 de maio de 2018

Pagamento das cotas do PIS/Pasep é liberado para todas as idades



Image-0-Artigo-2407411-1
O pagamento das cotas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) podem injetar R$ 39,5 bilhões na economia brasileira. Até o dia 29 de junho deste ano, qualquer pessoa titular de conta do PIS/Pasep pode sacar os recursos que tiver. O prazo ainda pode ser estendido pelo governo até 28 de setembro.

A estimativa foi divulgada nesta última quarta-feira (30),pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, com a aprovação pelo Senado, na última segunda-feira (28), do Projeto de Lei que permitiu os saques. A lei entra em vigor após a sanção presidencial.

Do total, R$ 4,9 bilhões já foram resgatados pelos cotistas e R$ 34,6 bilhões ficarão disponíveis para serem sacados no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal. O público total beneficiado pela medida é de 28,7 milhões de pessoas e, dessas, cerca de 3,4 milhões já fizeram o saque.

Desde a criação do PIS/Pasep, em 1971, o saque total só podia ser feito quando o trabalhador completasse 70 anos, se aposentasse ou tivesse doença grave ou invalidez. No segundo semestre do ano passado, o governo tinha enviado ao Congresso duas MPs reduzindo a idade para o saque, sem alterar as demais hipóteses de acesso a esses recursos. Com a aprovação da medida mais recente, cotistas de todas as idades ou seus herdeiros poderão sacar os recursos de contas inativas do PIS/Pasep.

Quem tem direito

Tem direito ao saque as pessoas que trabalharam com carteira assinada antes da Constituição de 1988. Quem contribuiu após 4 de outubro de 1988 não tem direito ao saque. Isso ocorre porque a Constituição, promulgada naquele ano, passou a destinar as contribuições do PIS/Pasep das empresas para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Para saber se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar os sites www.caixa.gov.br/cotaspis (a partir de 4 de junho) e www.bb.com.br/pasep.

Nos próximos dias, o Ministério do Planejamento detalhará os cronogramas de saques. Aqueles que tiverem conta corrente na Caixa Econômica Federal ou no Banco do Brasil terão o depósito feito automaticamente. Os demais cotistas poderão fazer os saques diretamente nas agências bancárias.

Greve dos caminhoneiros traz prejuízo às exportações do Ceará e afeta comércio




Desde a última segunda-feira, de acordo com a administradora do Porto do Pecém, toda a operação do terminal estava bloqueada por conta da paralisação dos caminhoneiros. Ontem, a via foi liberada.

Do terceiro ao décimo dia da greve dos caminhoneiros, ou seja, de 23 de maio até ontem (30), o Porto do Pecém, em São Gonçalo do Amarante, já contabiliza um prejuízo de 208 mil toneladas de mercadorias não movimentadas. Desde o início das paralisações nas rodovias brasileiras, o porto cearense mantinha operações parciais, com cargas estocadas no pátio de armazenagem (contêineres e placas de aço). A informação é do Diário do Nordeste.

Entretanto, de segunda-feira (28) até ontem (30), quando o bloqueio foi desfeito, as operações foram "interrompidas totalmente pela impossibilidade da entrada e saída de mercadorias no Terminal", informou a Cearáportos. Ainda nesta semana, complementa a Cearáportos, dois navios do armador Aliança Navegação e Logística LTDA. Chegaram a ser cancelados, gerando um prejuízo de 14 mil toneladas não movimentadas. Entretanto, as mercadorias que já estavam estocadas foram enviadas aos destinos e os navios já atracados no Porto foram devidamente despachados.

Produtos alimentícios, farmacêuticos, cosméticos, confecção, cereais, tecidos, frutas e químicos estão entre as principais cargas que deixaram de ser movimentadas. A reportagem procurou empresas aduaneiras para comentar sobre os impactos da greve dos caminhoneiros nas suas atividades de importação e exportação no Ceará, mas os empresários não quiseram se manifestar sobre o assunto.

Comércio exterior

De acordo com a gerente do Centro Internacional de Negócios (CIN) da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), Karina Frota, o comércio exterior do Ceará e do Brasil, como um todo, está sofrendo um impacto tão negativo quanto o prejuízo enfrentado pelas empresas do País. Karina lembra ainda que bloqueios dos caminhoneiros no acesso ao Porto do Pecém, registrados nos últimos dias, também impactam não apenas a movimentação de cargas, como impedem a importação de insumos essenciais à fabricação de produtos.

"Algumas empresas que operam no mercado interno dependem de insumos que chegam por outro estado ou que vêm do exterior, como é o caso do setor de confecção", conta. Sem o insumo, a produção fica comprometida e, consequentemente, as entregas das mercadorias não são efetuadas. Outro problema que agrava a imagem do comércio exterior do Ceará lá fora.

"Quando uma venda é realizada no mercado internacional, é importantíssimo o cumprimento do prazo até porque a ideia é que a venda internacional seja contínua e não esporádica", observa a gerente do CIN.

'Aflição'

Ela conta que, cientes de que não poderão conseguir honrar o prazo determinado nos contratos para exportar os produtos, empresas estão recusando vendas. Ainda conforme Karina Frota, toda a situação do País causa "aflição" porque muitas indústrias estão com processo produtivo reduzido. E, as pequenas empresas, estão paralisadas.

Dentre os setores com maior participação na pauta de exportação do Ceará, estão calçados, frutas, rochas ornamentais ou mármores e granitos. "O impacto no Ceará é grande porque algumas empresas, inclusive, estão prestes a parar a produção já que, de maneira geral, dependem de insumos vindos do Sul e do Sudeste", endossa a presidente da Câmara Temática de Exportação e Investimento Estrangeiro, Roseane Medeiros.

O exportador de móveis, exemplifica, precisa de madeira extraída da Amazônia. "Toda atividade industrial é de transformação e não temos no Ceará fabricantes de insumos, a maioria vem do Rio Grande do Sul. Como sempre, quem vai mais sofrer são as pequenas empresas que não têm capital de giro pra sustentar duas, três semanas sem faturamento", disse.

Criança de 4 anos é morta por bala perdida em Sobral, no Ceará

 


Uma criança de quatro anos foi morta vítima de uma bala perdida na noite desta última quarta-feira (30), em Sobral, no Ceará, conforme o Núcleo de Investigação de Homicídios de Sobral. O crime ocorreu no Parque Santo Antônio, por volta de 20h30. A informação é do G1 Ceará.

A a criança estava com o irmão na calçada de casa quando dois homens em uma motocicleta passaram atirando na direção de um homem. Os tiros atingiram a menina, que foi socorrida na Santa Casa de Sobral, mas morreu durante o atendimento.

A mãe da criança afirmou que estava dentro de casa quando escutou o tiro que vitimou a criança, que brincava na calçada. "Eu me agarrei com meu filho, eu perguntei, 'Ígor, foi você que levou um tiro?' Ele disse 'não, mamãe'. Quando eu peguei a minha filha, ela estava com a língua pra fora, disse 'mamãe, mamãe'. Ela morreu nos meus braços", afirmou a mãe da criança.

A polícia ainda procura pelos suspeitos dos disparos. Até a madrugada desta quinta, ninguém havia sido preso.

Polícia Civil encontra ossada de mais duas pessoas na zona rural de Iguatu


Depois de um trabalho de investigação amplo, a Polícia Civil encontrou nesta quarta-feira (30), mais duas ossadas de pessoas que estavam desaparecidas há vários meses. Os cadáveres foram localizados no sítio Canto, distrito de Suassurana, na mesma localidade onde foi encontrado enterrado o corpo do estudante de Serviço Social Jheyenderson de Oliveira Chavier, na quarta-feira (23).

Gleudson Dantas Barros, preso no dia 18, suposto líder religioso, é suspeito de matar quatro pessoas que confrontavam as ideias do culto que ele praticava, conforme afirmou o delegado regional de Polícia Civil de Iguatu, Jerffison Pereira. Segundo a polícia, Gleudson assumiu a participação nos crimes.

Nesta terça-feira (29, uma ossada havia sido encontrada no mesmo local, e segundo o delegado Marcos Sandro Nazaré, é quase certeza de que o corpo seja do jovem Mikael de Souza Melo, desaparecido em outubro de 2017.

Ainda segundo o delegado, existem fortes suspeitas de que as duas ossadas encontradas na manhã desta quarta-feira sejam de uma jovem de 17 anos, identificada por Anne Jaqueline Silva, natural de Irapuan Pinheiro, que estava desaparecida desde junho do ano passado. "O outro cadáver seria da pessoa conhecida por Francisco Diassis Rodrigues de Lima, vulgo Vilmar, e essa certeza só teremos após a realização do exame de DNA, que será realizado em Fortaleza", disse.

Os principais suspeitos dos crimes, Gleudson Dantas Barros, de 29 anos, e Roberto Alves da Silva, de 40 anos, estão presos na Delegacia Regional de Iguatu e foram ouvidos novamente. Na manhã desta quarta-feira, a dupla esteve na localidade e apontou os locais onde teria sido sepultado os corpos das vítimas. Entre a cozinha e o quarto da casa onde morava o suspeito Roberto da Silva, a polícia encontrou a ossada que tudo indica ser da jovem Anne Jaqueline.

Segundo a polícia, o outro suspeito de envolvimento nos crimes, o jovem Sâmio Bessa, morreu na manhã desta última  terça-feira (29), após praticar suicídio na cidade de Irapuan Pinheiro. De acordo com informações, ele era namorado da jovem Anne Jaqueline e seria o principal suspeito da execução do estudante Jhey Oliveira, morto com um tiro na nuca.

Durante entrevista concedida a imprensa, no início da noite desta quarta-feira, o delegado de Polícia Civil Marcos Sandro negou que possam existir mais corpos sepultados no local. Para o delegado, a reconstituição do crime, com a presença dos suspeitos no local, foi peça essencial para elucidação do caso. Com informações do Iguatu Noticias.

Terceiro ataque a carro-forte é registrado em menos de 72 horas no Ceará; um assaltante foi morto na ação





Um terceiro ataque a carro-forte no Ceará foi registrado em menos de 72 horas. O caso ocorreu nesta quarta-feira, 30, em Pacajus, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Um assaltante foi morto na ação. A informação é do O Povo.

Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o carro-forte foi atingido por tiros efetuados pelos criminosos na BR-116, mas o veículo não parou e conseguiu fugir dos assaltantes. Contudo, havia um segundo automóvel no apoio, obrigando o carro-forte a sair da via e fugir por uma estrada carroçável.

A Polícia foi acionada e houve perseguição policial aos criminosos. Eles abandonaram o carro e entraram em um matagal da região. Durante as buscas, um suspeito trocou tiros com os policiais e foi morto. Ele chegou a ser socorrido a um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos. Nenhum policial ou segurança foi lesionado na ação.


Os policiais apreenderam um fuzil calibre 556 e os dois carros utilizados na tentativa de assalto. A arma foi encaminhada à Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).

Na última segunda-feira, 28, um caso foi registrado em Fortaleza, no bairro Aldeota, onde um vigilante foi baleado na ação e quatro suspeitos foram presos. Horas depois, na BR-222, entre Umirim e São Luís do Curu, um outro ataque a carro-forte foi registrado.

Crise nas estradas não afeta preço do gás de cozinha em Fortaleza



Apesar da apreensão de muitos consumidores quanto ao possível aumento do botijão de gás de 13 kg (GLP) em Fortaleza devido à greve dos caminhoneiros, os preços do produto nos pontos de venda continuam os mesmos. Na tarde desta quarta-feira, 30, O POVO Online ligou para 15 estabelecimentos da Cidade, localizados em diferentes Regionais, e identificou que os valores variam de R$ 70 a R$ 80. Em alguns, há diferença no preço cobrado nas compras à vista e no cartão de crédito, prática considerada abusiva por órgãos de defesa do consumidor. A informação é do O Povo.

Em todos eles, os atendentes informaram que há estoque suficiente de botijões e que a entrega do produto está acontecendo normalmente. "Hoje mesmo recebemos um caminhão aqui. Nosso estoque está suficiente e não tem previsão para aumentar preço. A gente percebe que muita gente está com medo que isso aconteça. Várias pessoas já ligaram para perguntar, mas estamos com esse preço desde dezembro", disse uma das atendentes, que trabalha numa revenda localizada no bairro São João do Tauape.

De acordo com o último levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio do gás de cozinha em Fortaleza é de R$ 75,63. Atualmente, o produto pode ser encontrado pelo consumidor a valores que vão de R$ 70 a R$ 79, uma diferença de 13%. No Ceará, os preço médio é de R$ 70,71, indo de R$ 57 até R$ 79, variação de 38,5%. Nos últimos dias, na Capital cearense, síndicos de diferentes condomínios orientaram os moradores a economizar gás de cozinha e água, a fim de evitar possíveis transtornos.


Violência: Jovem é executado a tiros no dia do seu aniversário em Senador Pompeu





Nesta quarta-feira dia 30 de maio por volta de 16h, a Polícia Militar da cidade de Senador Pompeu no Sertão Central do Ceará foi informada via 190 a respeito de um homicídio a bala. Os policiais compareceram ao local informado e constataram a veracidade da denúncia.

A polícia foi informada que os autores do homicídio se tratavam de dois criminosos que chegaram ao local em uma motocicleta e efetuaram 04 disparos de arma de fogo contra a vítima por nome de Carlos Silva.

Prontamente a composição da citada viatura realizou diligências em busca de capturar os acusados, no entanto, sem êxito.

A Polícia Civil também esteve presente no local e a Perícia e o Rabecão foram acionados. O jovem foi morto justamente no dia em que comemorava o seu aniversário, nas redes sociais logo pela manhã ele publicou uma foto sua com a legenda; "Obrigado Senhor por mais um ano de vida, parabéns pra mim".

Com informações do Portal DM.

TRF-4 mantém pena de Cabral em 14 anos e dois meses de reclusão



Sergio Cabral
O TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) manteve nesta quarta-feira (30), a pena do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral em 14 anos e dois meses de prisão, por corrupção e lavagem de dinheiro.

Cabral foi condenado pela primeira vez na Lava Jato em junho de 2017, pelo juiz Sergio Moro.

Neste processo, o ex-governador foi acusado de ter recebido R$ 2,7 milhões em propina pelo contrato de terraplanagem do Comperj, obra da Petrobras.

Segundo a denúncia, o pagamento foi solicitado por Cabral em uma reunião no Palácio da Guanabara, em 2008. O valor corresponde a 1% do total que a Andrade Gutierrez recebeu pela obra.

De acordo com o Ministério Público, os valores foram usados na compra de artigos de alto valor, como roupas de grife, móveis de luxo e blindagem de automóveis. A denúncia afirma que o dinheiro pagou até vestidos de festa da ex-primeira-dama Adriana Ancelmo.

Moro absolveu Adriana por considerar não haver provas suficientes de que ela tenha participado dos atos de corrupção, bem como da lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio na aquisição de bens de luxo.

Cabral está detido desde novembro de 2016. O ex-governador já foi condenado cinco vezes pela Justiça Federal -a soma das penas já ultrapassa cem anos de prisão. Com informações da Folhapress.

Jovem é assassinado a facadas em Mombaça




Segundo informações dão conta de um homicídio ocorrido na cidade de Mombaça nesta quarta-feira, 30, por volta de 8h00min, após uma discussão em um bar, um jovem natural da cidade de Quixeramobim conhecido como “Davi” teria sido lesionado a golpes de faca, em meio uma discussão banal e vindo a óbito no local.

A polícia foi acionada, e constatou a veracidade da informação, o acusado que não teve o nome divulgado até o momento fugiu em seguida tomando rumo ignorado, viatura realizam diligências em toda área à procura do criminoso.

Equipe da Perícia Forense foi acionada para remoção do corpo. Com informações do Quixerambim News.

terça-feira, 29 de maio de 2018

Progama hora da noticia Terça 29

B

DESTAQUES DE HOJE: Orós já sofre com desabastecimento, Volume de água nos reservatórios aumenta, mas situação hídrica requer atenção, População procura cédulas após explosão de carro-forte, Plantão policial pela região.

FESTA DAS MÃES 2018 EM ORÓS-CEARÁ







FOI REALIZADA NA NOITE DESTA SEXTA-FEIRA 26/05/2018, NO GINÁSIO AÉCIO DE BORBA, NA CIDADE DE ORÓS-CE, A FESTA DAS MÃES 2018. JÁ É O 6º ANO QUE O EVENTO É REALIZADO COM O APOIO DOS COMERCIANTES E COMERCIARIOS DO MUNICIPIO E O GOVERNO MUNICIPAL. FORAM SORTEADOS DIVERSOS PREMIOS COMO: GELADEIRAS, FOGÕES, VENTILADORES, TVs, FORNOS, MICROONDAS, TANQUINHOS ENTRES OUTROS. AS PREMIAÇÕESNFORAM TODAS DOADAS... MUITAS MÃES SAIRAM ALEGRES, ENQUANTO OUTRAS TRISTES, POIS NEM TODAS FORAM CONTEMPLADAS. O PREFEITO DO MUNICIPIO DE ORÓS, SIMÃO PEDRO JUNTAMENTE COM OS VEREADORES E O DEPUTADO ESTADUAL AGENOR NETO PARTICIPARAM DO EVENTO.










Membros do Congresso e STF avaliam chance de Temer não terminar mandato



Aliados de Michel Temer no Congresso Nacional e ministros do Supremo Tribunal Federal afirmam que o governo atingiu um nível extremo de enfraquecimento político, não descartando, em caso de piora na situação, o risco de a gestão não conseguir se sustentar nos sete meses que lhe restam.

A avaliação ouvida pela reportagem é a de que a crise com os caminhoneiros atingiu um dos últimos resquícios de credibilidade da administração, a área econômica.

Temer completou no último dia 12 dois anos de governo como o presidente, na média, mais impopular desde pelo menos a gestão de José Sarney (1985-1990).

Mas vinha batendo na tecla de que em sua administração a inflação foi reduzida e o país saiu da recessão, embora em ritmo mais lento do que o esperado.

Com a crise da greve dos caminhoneiros, o país passa por uma grave situação de desabastecimento, cenário não detectado pelo governo apesar de alertas nessa direção.

Emparedado, o Palácio do Planalto foi obrigado a ceder em vários pontos, em uma demonstração do enfraquecimento político que vive, mas mesmo assim não conseguiu até esta segunda-feira (28), oitavo dia da crise, encerrar a paralisação.

“Não é o caminhoneiro, é o brasileiro que não admite a Presidência do Temer. O PT insistiu na Dilma. Deu no deu”, afirmou em nota o líder da bancada do aliado DEM, o senador Ronaldo Caiado (GO).

“A greve dos caminhoneiros detonou a popularidade do Temer e do governo, a população está revoltada. O governo tinha ainda certa credibilidade na equipe econômica. Era um alicerce importante”, afirma o deputado Rogério Rosso (DF), do também aliado PSD.

Um dos principais correligionários de Temer na Câmara, o deputado Beto Mansur (MDB-SP) afirma que todo o espectro político perde, não só Temer. “Tivemos um problema na questão da inteligência do governo, de não saber o tamanho da ‘trolha’, essa é minha opinião, mas tem que procurar resolver. Esse é um processo perde-perde, ninguém ganha.”

Nos bastidores do STF, a avaliação de ministros é a de que o governo subestimou os caminhoneiros. No caso de o desabastecimento se agravar, há, na visão desses magistrados, o risco de uma revolta de maior proporção, com ameaça ao já cambaleante mandato de Temer.

Ainda de acordo com integrantes da corte, o emedebista e o seu entorno estão longe de representar uma voz com força para dialogar com diferentes grupos sociais.

Eles afirmam que em um momento como esse era preciso que Temer procurasse institucionalmente os governadores e chefes de outros poderes. Mas a interlocução do Palácio do Planalto com o STF tem sido feita pelo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, que já conversou com quase todos os 11 magistrados, pessoalmente e por telefone.

Na quinta-feira (24), ele se reuniu por cerca de uma hora com Gilmar Mendes, em Brasília. Nesta segunda (28), o encontro foi com Alexandre de Moraes.

No Congresso, Temer busca se reaproximar do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que é pré-candidato à sua sucessão.

Durante o fim de semana, quando tentava se desvencilhar da crise, Temer chamou apenas o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), para conversar. Não procurou Maia.

Nesta segunda-feira (28), os deputados Baleia Rossi (MDB-SP) e Pauderney Avelino (DEM-AM) costuraram uma conversa entre Temer e Maia, que foi ao Palácio do Planalto no início da tarde.

A TEMPESTADE SOBRE O PRESIDENTE

– enfrenta uma greve de caminhoneiros sem precedentes;

– tem níveis recordes de impopularidade;

– não fez a economia deslanchar, e agora tem de lidar com a alta do dólar;

– perdeu a capacidade de aprovar reformas no Congresso;

– é investigado pela PF em razão de decreto no setor portuário.

Com informações da Folhapress.

Três mulheres são assassinadas no Ceará nas últimas 24 horas. Já são 208 vítimas em 2018



Maria Cláudia da Silva, 41 anos, morta a tiros na noite de ontem, em Quixadá.

Mais três mulheres foram mortas no Ceará nas últimas 24 horas, elevando para 208 o número de vítimas de crimes do gênero em 2018. Somente em 28 dias do mês de maio, 31 mulheres foram assassinadas em todo o estado. A maioria dos crimes ainda está sob investigação e não registros de prisão dos criminosos.

Na noite desta última segunda-feira (28), uma mulher de 41 anos foi executada com cinco tiros na cabeça. O crime aconteceu no bairro Monte Alegre, na periferia da cidade de Quixadá, na Região do Sertão Central do Ceará (a 154Km de Fortaleza).

Maria Cláudia da Silva foi morta nas proximidades de sua casa e a Polícia não sabe, ainda, o motivo do assassinato nem tem suspeitos. O corpo de Cláudia foi encaminhado ao Núcleo da perícia Forense do Ceará (Pefoce) de Quixeramobim.

Mais vítimas

Na Grande Fortaleza, duas mulheres foram assassinadas nesta última segunda. O primeiro crime ocorreu por volta de 17h30, no bairro Sapiranga-Coité, na zona Leste da Capital. Uma jovem acabou sendo encontrada morta a golpes de faca.

Já por volta de 19h34, a Polícia foi acionada para um caso de achado de cadáver em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) e constatou que uma mulher havia sido morta a tiros. Nenhuma das vítimas foi identificada.

Granja descarta ovos e pintinhos após greve dos caminhoneiros



O descarte de ovos fecundados e de pintinhos de um dia virou rotina nas granjas, depois que a greve interrompeu o abastecimento de ração.

O Grupo Alvorada, de Itapetininga (SP), por exemplo, que fornece matrizes de aves de corte para 70 frigoríficos, já eliminou um milhão de pintinhos desde o começo da greve e teve um prejuízo de R$ 4 milhões. Fernando Vieira, veterinário da empresa, explica que os pintinhos são descartados dentro da máquina nascedoura e depois seguem para o aterro sanitário. "Temos dois milhões de matrizes alojadas, se não chegar a ração, vamos perder tudo isso também."

Na Zanchetta Alimentos, de Boituva (SP), cerca de 400 mil ovos fecundados foram descartados e viraram adubo. A empresa tomou essa decisão de reduzir o alojamento de frangos porque se viu acuada por não está conseguindo entregar ração para 11,5 milhões de aves criadas para mais de 400 produtores integrados. O plantel está avaliado em R$ 50 milhões. "Não temos insumos para formular as rações", diz o diretor da empresa, Carlos Augusto Zanchetta.

Em Angatuba (SP), o avicultor Paulo Morais tinha 170 mil frangos praticamente sem ração. Ele esperava a chegada de um caminhão no sábado, mas o veículo ficou retido num bloqueio próximo de Jundiaí (SP). Na manhã de segund-feira, 28, ele usou o que restava do estoque. "Daqui para a frente, eles vão ter só água para beber." Parte do plantel está em ponto de corte, mas o frigorífico suspendeu os abates por falta de escoamento.

Os problemas enfrentados pelos três produtores por causa da greve é apenas uma parcela de um prejuízo gigantesco calculado pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Cerca de 1 bilhão de aves podem morrer nos próximos dias por falta de ração, segundo a ABPA. Em todo o País, especialmente em São Paulo, Paraná e Santa Catarina, já há registro da morte ou perda de 64 milhões de aves e pintinhos, diz o diretor da ABPA e presidente da Associação Paulista de Avicultura, Érico Pozzer. "Os ovos incubados levam 21 dias para eclodir e, aos 19 dias, estão sendo quebrados e descartados, pois não tem granja para alojar os pintinhos. Vai tudo para o lixo, mas nem lixo suficiente estamos tendo."

Conforme Pozzer, as granjas estão racionando a alimentação por falta de milho, farelo de soja e outros insumos para fazer a ração. "O normal é alimentar os frangos 24 horas por dia, mas eles estão recebendo ração só uma ou duas vezes por dia para que não morram. Temos visto frangos abaixo do peso e muitos casos de canibalismo." As perdas se avolumam com o prosseguimento da greve. "É uma situação jamais vista." As informações são do jornal O Estado de S. Paul

A paralisação precisa acabar, não interessa a mim, ao Brasil, o caos', diz Bolsonaro



O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) afirma que a paralisação dos caminhoneiros já chegou ao seu ápice e precisa acabar. “Não interessa a mim, ao Brasil, o caos agora”, afirmou.

Em entrevista à Folha, o deputado negou ter ligação com suas lideranças, especulação que cresceu nos últimos dias devido à presença frequente de apoiadores de sua candidatura entre os manifestantes.

Por “caos” ele exemplificou a ideia de derrubada do presidente Michel Temer (MDB). “Se faltasse um ano e meio, dois, três, tudo bem, pô.”

Bolsonaro repeliu a defesa de intervenção militar esposada por vários dos caminhoneiros em faixas, grupos de WhatsApp e bloqueios. “Se tiver de voltar [os militares], que volte pelo voto”, disse, para não “dar essa bandeira para o PT dizer que foi golpe, porque aí foi golpe mesmo”, afirmou.

O presidenciável falou pela primeira vez na paralisação em sua conta no Twitter na segunda (21). Ele deu apoio aos caminhoneiros e prometeu revogar eventuais multas caso eleito em outubro, mas criticou bloqueios de estradas.

Sua inflexão pelo fim do movimento ocorre no momento em que estão se agudizando os efeitos do desabastecimento em centros urbanos.

A modulação está em linha com o que defendem alguns de seus estrategistas, que temem a associação da imagem do deputado à de um radical. Com informações da Folha de S. Paulo.

Ceará tem perda de R$ 7 bilhões com violência no trânsito em 2017

A violência no trânsito do Ceará provocou um impacto de R$ 7,5 bilhões ao estado no ano passado; o valor corresponde a 5,42% do Produto Interno Bruto (PIB). Essa foi a perda da capacidade produtiva causada por acidentes que mataram 2.325 pessoas e deixaram outras 4.499 com invalidez permanente, segundo levantamento do Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (CPES), órgão da Escola Nacional de Seguros.

O estudo é feito com base nos indicadores do Seguro DPVAT (seguro obrigatório de automóveis) e aponta aumento do número de mortes e vítimas com alguma sequela permanente. Em 2016, esse número foi 5.846, contra 6.824 no ano passado.

A pesquisa também mostra que o Nordeste lidera em número de acidentes com invalidez permanente: 16.328, sendo 4.499 no Ceará.

Em todo o país, a violência do trânsito provocou impacto econômico de R$ 199 bilhões em 2017, ou seja, 3,04% do PIB. Os acidentes mataram 41,1 mil pessoas e deixaram outras 42 mil com invalidez permanente no ano passado.

Motocicletas
Segundo dados do CPES, as motocicletas representam 27% da frota nacional de veículos e são responsáveis pelo maior número de acidentes no país, e também de vítimas: 285.662.

Os homens respondem por 88% das indenizações por morte em acidentes com esses veículos. No caso dos acidentes de motocicletas que resultaram em sequelas permanentes, 79% das indenizações também foram para vítimas do sexo masculino.

Fortaleza
O Relatório Anual de Segurança Viária mais recente elaborado pela Prefeitura de Fortaleza mostra que, em 2016, mais da metade das vítimas fatais de acidente em Fortaleza foram motociclistas. Conforme o relatório, 148 das 281 pessoas que morreram em acidentes na capital cearense trafegavam em motocicletas, sendo piloto ou passageiro.

A não obediência a normas básicas de trânsito, a agressividade ao dirigir e a cultura da esperteza são fatores que mais contribuem para a violência no trânsito, segundo o diretor da Escola Nacional de Seguros, Mario Pinto.

Em todo o mundo, o trânsito mata cerca de 1,25 milhão de pessoas a cada ano e deixa entre 20 e 25 milhões de feridos. Considerada a nona causa de mortes.


Por G1 CE

Três homens morrem em confronto com policiais na Praia de Canoa Quebrada no Ceará

Três homens morreram em um confronto com policiais, na tarde desta segunda-feira (28), na Favela do Feijão, na Praia de Canoa Quebrada, no município de Aracati, Litoral Leste do Ceará. As informações são da Delegacia Regional de Aracati (10ª Região).

De acordo com a delegacia, os três homens, ainda não foram identificados, mas a suspeita é que o trio participava do tráfico de drogas na região.

A polícia afirmou também que policiais tentaram revistar os suspeitos, mas um deles reagiu e aconteceu a troca de tiros. O trio foi socorrido pela polícia e encaminhados para o Hospital de Aracati, mas não resistiram.

Durante a operação na região, a polícia conseguiu apreender drogas, celulares, uma balança de precisão, uma pistola, dois revólveres e munições.


Por G1 CE

Alguns tipos de carne podem faltar a no CE partir desta terça, diz sindicato

Alguns tipos de carne podem faltar no comércio cearense a partir desta terça-feira (29), de acordo com o sindicarnes, sindicato de empresas do setor de carne. Produtos do setor sofrem desabastecimento devido à greve de caminhoneiros, que ocorre pelo oitavo dia em todo o Brasil. No Ceará, a paralisação afeta serviços nos supermercados, farmácias, trânsito, Ceasa e aeroportos.

Os caminhoneiros de todo o país reivindicam redução de impostos sobre o preço do diesel, como PIS/Cofins e ICMS, e o fim da cobrança de pedágios dos caminhões que trafegam vazios nas rodovias federais concedidas à iniciativa privada.

Em nota, o Sindicarnes relata que, por causa das barreiras, os caminhões estão impedidos de entregar as carnes nos açougues e distribuidores. “Se faz necessário providências urgentes por parte do nosso governador do Estado do Ceará, para que estes produtos cheguem aos seus devidos destinos e em segurança. Ou se for o caso, intervenção do Exército”, diz o Sindicarnes.

O presidente Michel Temer anunciou no domingo (27) a redução de R$ 0,46 no litro do diesel por 60 dias, o estabelecimento de uma tabela mínima dos fretes e a isenção da cobrança de pedágio para eixo suspenso de caminhões vazios, em rodovias federais, estaduais e municipais.

Da redução de R$ 0,46 por litro de diesel, R$ 0,30 virão da manutenção do desconto de 10% feito pela Petrobras. Os outros R$ 0,16, do corte da Cide e redução do PIS-Cofins. Segundo ministro da Fazenda, Eduardo Guardia a primeira medida vai custar R$ 9,5 bilhões aos cofres públicos. Desse total, R$ 5,7 bilhões virão de uma reserva orçamentária e, os outros R$ 3,8 bilhões, do corte de despesas. O governo ainda vai detalhar onde será feito este corte.

O ministro Carlos Marun (Secretaria de Governo) disse não haver previsão de quando a paralisação dos caminhoneiros irá acabar, porque não há uma liderança única do movimento. "São vários líderes. Ouvimos vários desses líderes e, do que ouvimos, elaboramos essa pauta que nós entendemos que atende aos pleitos dos caminheiros e fomos ao máximo do que o governo poderia ceder", disse.

Postos de revenda de gás de cozinha de todo o Brasil estão vazios, afirma sindicato

A greve dos caminhoneiros — que chega a seu oitavo dia nesta segunda-feira (28),afetou a distribuição nacional de gás de cozinha (GLP), zerando os estoques dos postos revendedores em todo o país. Segundo o presidente do Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás), Sergio Bandeira de Mello, o produto está retido nas estradas.

Os postos revendedores de botijão de gás no Rio e no Brasil estão vazios. As bases de engarrafamento estão lotadas de gás, mas os botijões vazios não chegam. Já as revendas estão zeradas, pois os botijões cheios não chegam ao destino — afirmou Mello.

O presidente do Sindigás também declarou que, devido à retenção do produto nas estradas, muitos locais com serviços essenciais correm o risco de desabastecimento.

Os caminhoneiros têm colaborado com os motoristas que carregam produtos cujas notas fiscais provam que são destinados a hospitais, escolas e presídios. No entanto, no caso do GLP, as notas não são para os destinatários finais, mas, sim, para as revendedoras, e a essencialidade desses botijões não está sendo considerada pelo comando de greve — afirmou Mello, ressaltando que a situação ainda encontra-se em relativa normalidade devido ao tempo de duração do produto (em média, 45 dias). Além disso, o brasileiro tem o costume de estocar um botijão reserva.

Mello afirmou que o Sindgás está trabalhando em um comitê de crise com a Associação Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), a fim de conseguir liberar junto aos caminhoneiros grevistas as cargas destinadas a serviços essenciais.

Com informações do O Globo

TRE muda decisão e mantém mandato de Ivo Gomes em Sobral

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE) decidiu, por unanimidade, reformar integralmente a sentença de 1º grau que cassou os diplomas do prefeito e da vice-prefeita de Sobral, Ivo Ferreira Gomes e Christianne Marie Aguiar Coelho. A sessão nesta segunda-feira (28),foi presidida pela desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira. A informação é do Diário do Nordeste.

O relator do recurso eleitoral, o juiz Alcides Saldanha Lima, proferiu o voto pelo provimento do recurso eleitoral e reforma da sentença, afastando a cassação, a multa e a pena de inelegibilidade aos recorrentes, Ivo Ferreira Gomes e Christianne Marie Aguiar Coelho.

Ele considerou as provas dos autos insuficientes para a perda dos diplomas e demais sanções impostas pelo juiz da 24ª Zona Eleitoral, Fábio Falcão, e foi seguido pelos demais membros do Pleno.

Entenda o processo

O juiz Fábio Falcão, da 24ª zona eleitoral, decidiu, no fim de novembro de 2017, pela cassação do mandato de Ivo Gomes e Christianne Coelho. Com a sentença, o magistrado declarou os votos recebidos por eles como nulos, na Eleição de 2016, por abuso de poder econômico, após ação impetrada pelo candidato derrotado à Prefeitura de Sobral à época, Moses Rodrigues (PMDB). O juiz ainda determinou a inelegibilidade de ambos por oito anos e multa de R$ 40 mil para cada.

De acordo com o magistrado, a prova dos autos demonstra a prática de captação ilícita de sufrágio pelo candidato Ivo Gomes, mediante oferecimento de dinheiro. Segundo a decisão do magistrado, as testemunhas disseram que os votos eram comprados por R$ 50 e R$ 100 em "santinhos". Em outro caso, uma testemunha disse ter ouvido do próprio Ivo Gomes que um homem iria entregar-lhe "um negócio"; instantes depois, um rapaz apareceu com um envelope contendo R$ 5 mil a ser dividido entre 20 e 25 pessoas.

Em abril deste ano, o Ministério Público Eleitoral emitiu parecer contrário ao recurso apresentado pelo prefeito de Sobral e pela vice-prefeita, para reverter a decisão do juiz da 24ª zona eleitoral 

Sindigás: bloqueios impedem retorno de botijões para reabastecimento

O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informou hoje (28), por meio de nota, que algumas praças ainda possuem estoque mínimo de gás liquefeito de petróleo (GLP), “apesar da situação caótica do abastecimento do produto em todo o Brasil”.

O Sindigás esclareceu que, como o setor de GLP trabalha com uma logística reversa, isso torna imprescindível o retorno dos botijões vazios às bases para serem reabastecidos. “Há gás nas bases”, afirmou o sindicato. Segundo a entidade, o problema consiste nas dificuldades de escoamento do produto pelas rodovias do país.

“É necessário que grevistas e as autoridades que atuam nesse momento de crise, como Polícia Rodoviária Federal (PRF); Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP); Exército, entre outros atores, compreendam que o GLP é um produto essencial para o bem-estar da população e que permitam o trânsito das carretas a granel e dos caminhões com os botijões, sejam vazios ou cheios”, diz a nota.

Pele fato de o GLP ser armazenável, o produto apresenta a vantagem de permitir ao consumidor contar com uma reserva de até 22 dias, em média. O Sindigás afirma que tanto grevistas como as forças policiais estão permitindo apenas a passagem de caminhões com GLP granel para abastecer serviços essenciais, como hospitais, creches, escolas e presídios. Mas não reconhecem como abastecimento de um serviço essencial os caminhões com botijões de 13kg, 20kg, 45kg vazios ou cheios com nota fiscal a caminho das revendas. O sindicato defende que isso é um equívoco, “pois o produto nessas embalagens também pode ser destinado ao abastecimento de serviços essenciais”.

Carga e descarga

Em razão da greve, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ) solicitou hoje ao prefeito Marcelo Crivella a liberação dos horários de operação de carga e descarga durante, no mínimo, os próximos dez dias.

De acordo com a Fecomércio-RJ, o objetivo é facilitar a normalização do fornecimento de produtos fundamentais à população, uma vez que o comércio na cidade já vem experimentando prejuízos decorrentes do desabastecimento. “Mesmo com o anúncio do fim da greve feito pelo governo, a retomada dos serviços não será imediata, e é preciso que os produtos cheguem o quanto antes para os consumidores”, manifestou o presidente da entidade, Antonio Florêncio de Queiroz Júnior.

Temer: “tenho absoluta convicção de que a greve acaba até terça-feira”

Durante cerimônia de posse do ministro Ronaldo Fonseca (Secretaria-Geral), nesta segunda-feira (28), o presidente Michel Temer disse que “se Deus quiser, logo superaremos o episódio que estamos vivendo agora”, fazendo referência à paralisação dos caminhoneiros, que chega hoje ao oitavo dia.

Temer disse que, no início das paralisações, recomendaram que ele usasse “de toda a força necessária” para logo no primeiro dia impedir qualquer movimento. “Esta não é a nossa vocação, nossa vocação é do diálogo, do acerto, da conciliação, do ajuste, que é o que fizemos ao longo da semana”, rebateu Temer.

O presidente disse que o novo ministro terá “muita tranquilidade” porque tem absoluta convicção de que, nos próximos dias, os caminhoneiros devem ouvir orientação de seus líderes para cessar a paralisação.

Temer disse que Fonseca foi escolhido justamente porque possui “vocação para o diálogo e para a conciliação”. O presidente afirmou ainda que, como deputado federal, o atual ministro angariou “respeito do Congresso e do povo”.

A nomeação de Fonseca já havia sido publicada no Diário Oficial da União (DOU) na última sexta. A cadeira estava vaga desde a ida de Moreira Franco para o ministério de Minas e Energia, no mês passado.

segunda-feira, 28 de maio de 2018

Jovens são executados com tiros na cabeça em Pedra Branca

A Polícia do município de Pedra Branca está investigando um duplo homicídio ocorrido durante o final de semana na localidade de Serra do Galo, próximo ao Sítio Esbarro, distrito de Tróia, na zona rural do município.

Os corpos de dois jovens, identificados até agora apenas pelos nomes de Henrique e Chaguinha, residentes no Bairro Santa Maria, foram encontrados na manhã deste domingo, 27, por um agricultor que estava a procura de animais. As vítimas foram executadas com vários tiros na cabeça.

A autoria e a motivação do crime ainda são desconhecidas.

Os corpos foram levados para o IML do município de Quixeramobim.
Com informações do Correio News

"Líder, aqui, só Deus", dizem caminhoneiros cearenses em protesto

Caminhoneiros em todo Brasil continuam em greve e bloqueando rodovias pelo País. Em meio aos protestos na BR-116, no Eusébio, o relato da categoria é o sentimento de que as medidas anunciadas por Michel Temer ontem, 27, não são suficientes. Eles também não reconhecem as lideranças nacionais, a exemplo da Associação Brasileira de Caminhoneiros (Abcam). "Líder, aqui, só Deus", dizem. A informação é do O Povo.

Os motoristas afirmam que o movimento, formado por muitos autônomos, não é encabeçado por nenhum líder político, sindical. É o que conta o caminhoneiro Francisco Helder, 41. "Nada de partido. Houve uma resistência nos primeiros dias, mas agora o movimento ganhou a força da população com toda essa corrupção que acontece", comenta.

Enquanto a Abcam informa estar trabalhando para informar toda a categoria sobre o acordo firmado com o Governo e também acerca das medidas de Temer, como a redução de R$ 0,46 no litro do diesel, motoristas dizem não entender quem os representa e nem saber de onde as decisões vêm.

O POVO Online apurou em um dos locais de bloqueio, no km 18 da BR-116, que o que se sabe chega a eles via aplicativo de mensagem. Questionados pela reportagem sobre o reconhecimento da Abcam e do Sindcam, motoristas não sabem o que responder: "A gente sabe que tem um comitê que negocia, mas não sabemos quem faz parte".

Franciso Helder não se reconhece líder dos protestos no Eusébio, mas é o que alguns grevistas veem nele. Dono de uma carreta, ele montou, desde o inicio das movimentações há oito dias, uma espécie de "central da greve", com espaço para alimentação e outros suportes.

Sobre as bandeiras da intervenção militar levantadas por algumas pessoas presentes nos atos, Helder não os reconhece e afirma que "são pessoas infiltradas na greve". Segundo ele, no início houve tentativa de arrancar os cartazes com os dizeres "intervenção militar", mas sem sucesso. A reportagem percebeu diversos carros com adesivos similares, mas ninguém soube precisar se eram parte do movimento.

Ciro Gomes, O entrevistado do Roda Viva desta segunda-feira


O entrevistado do Roda Viva desta segunda-feira

Depois de entrevistar Marina Silva, Guilherme Boulos e João Amoêdo, o Roda Viva dá sequência à série de pré-candidatos à Presidência da República. Nesta segunda-feira (28/5), Ciro Gomes, do PDT, vai ao centro do programa falar sobre seus projetos para o País, caso seja eleito. Com apresentação de Ricardo Lessa e desenhos do cartunista Paulo Caruso, a atração vai ao ar ao vivo, às 22h15, na TV Cultura, no site da emissora, no Facebook, no YouTube e no aplicativo Cultura Digital.
As eleições de 2018 marcam a terceira participação de Ciro Gomes na corrida presidencial – ele também se candidatou nos anos de 1998 e 2002. Veterano na política, Ciro foi eleito prefeito de Fortaleza em 1988 e governador do Ceará em 1990. Teve participação importante no período final da gestão de Itamar Franco, quando assumiu a pasta da Fazenda. Também fez parte do primeiro governo Lula como ministro da Integração Nacional, dando início ao projeto de transposição do rio São Francisco. Agora, como pré-candidato à Presidência da República pelo PDT, vai ao Roda Viva falar sobre as principais questões do Brasil e apresentar suas propostas.

Participam da bancada de entrevistadores, José Roberto de Toledo, editor da versão online da revista Piauí; Bernardo Mello Franco, colunista do jornal O Globo; Brad Hynes, diretor da agência Reuters no Brasil; Débora Freitas, apresentadora e repórter da rádio CBN; e André Perfeito, economista-chefe da corretora de valores Spinelli.
O telespectador também pode participar do programa desde já enviando sua pergunta pelo aplicativo Cultura Digital.

Moto roubada é recuperada pelo RAIO em Iguatu


Moto roubada é recuperada pelo RAIO em Iguatu


Neste último sábado dia (26), por volta de 13h30min, uma composição do RAIO de Iguatu durante um patrulhamento de rotina pela Rua D do Bairro Areias, localizou a motocicleta Honda/CG-125 Fan Ks, de cor preta, ano 2009, sendo que na ocasião foi constatado, após uma consulta no sistema, que a referida motocicleta possui queixa de roubo.

O referido policiamento realizou a condução do veículo até a Delegacia Regional de Iguatu para a adoção das medidas cabíveis.

Homem tem o celular roubado em Icó

Neste último sábado dia (26), por volta de 19h chegou ao conhecimento via telefone 190 de que havia acontecido um roubo a pessoa na Rua Padre Vieira. Uma composição da Polícia Militar se dirigiu até o local informado, onde foi localizado a vítima, um homem de 25 anos.

O mesmo informou aos policiais que estava chegando na residência de uma amiga, quando foi abordado por um elemento a pé, armado a revólver, que anunciou o roubo, subtraindo do mesmo um aparelho de telefone celular e em seguida fugiu a pé tomando rumo ignorado. A composição permanece em diligências na área do fato para localizar o suspeito.

TSE decide nesta terça-feira se um réu em ação penal pode se candidatar à Presidência

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decide nesta terça-feira se um réu em ação penal pode se candidatar à Presidência da República. O julgamento pode definir a situação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que foi condenado por um tribunal de segunda instância.

Embora o caso a ser examinado trate apenas de situações que envolvam réus que se apresentam para a disputa, os ministros poderão ampliar o debate. E discutir se um condenando pode apresentar candidatura. Se isso acontecer, a tendência é a Corte declarar que réus podem se candidatar, desde que não tenham sido condenados. Neste caso, Lula ficaria de fora da urna nas eleições de outubro.

Além de servir de parâmetro para Lula, o entendimento do TSE vai orientar os partidos na escolha dos candidatos que disputarão o mais alto cargo do país. Um ministro da Corte ouvido pelo Jornal O Globo foi categórico ao dizer que, se um réu não foi ainda condenado ou absolvido, não há objeções à candidatura. Outros dois ministros ponderaram que, se esse réu foi condenado por um tribunal de segunda instância, a Lei da Ficha Limpa impede o registro da candidatura.

Michel Temer anuncia redução de R$ 0,46 no preço do diesel por 60 dias


Michel Temer anuncia redução de R$ 0,46 no preço do diesel por 60 dias


Em pronunciamento na noite deste domingo (27), o presidente Michel Temeranunciou redução de R$ 0,46 no preço do litro do diesel por 60 dias. O anúncio é mais uma tentativa de acabar com a greve dos caminhoneiros, que atingiu nesse domingo o sétimo dia e provocou uma crise de desabastecimento de combustíveis e alimentos em todo o país.

Temer também anunciou a edição de três medidas provisórias para atender pleitos dos grevistas:

“Estou editando uma medida provisória para que seja cumprida em todo o território nacional a isenção do eixo suspenso nos pedágios em todas as rodovias do país. Assinei uma medida provisória para garantir aos caminhoneiros autônomos 30% dos fretes da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) e uma medida estabelecendo tabela mínima de fretes conforme previsto no projeto de lei 121, que está sob análise do Senado.”

Leia abaixo a íntegra da fala do presidente.

Quero me dirigir a todos os brasileiros, especialmente aos caminhoneiros que há uma semana paralisaram suas atividades. Os efeitos dessa paralisação na vida de cada cidadão me dispensam de citar a importância da missão de cada trabalhador do setor de cargas.

Durante toda essa semana, meu governo sempre esteve aberto ao diálogo e chegamos mesmo a assinar um acordo com lideranças do movimento. Quero aqui confirmar a validade de tudo o que já foi ajustado pelas lideranças com os meus ministros.

Nas últimas 48 horas, ao mesmo tempo em que nos dedicamos a garantir abastecimentos essenciais, seguimos em conversas com líderes do movimento. Avançamos na implantação de muitas medidas, diante da necessidade do movimento de encerrar a paralisação.

Quero me dirigir agora aos caminhoneiros de todo o país para anunciar as principais medidas que adotei:

Primeira medida: o preço do óleo diesel terá uma redução de 46 centavos. E garantiremos que cada caminhoneiro tenha esse resultado na hora de encher o tanque. Essa redução corresponde aos valores do PIS/Cofins e da Cide somados. Para chegar a esses 46 centavos, o governo está assumindo sacrifícios no orçamento e honrará essa diferença de custo, sem nenhum prejuízo para a Petrobras.

Segunda medida: o preço do óleo diesel, já barateado pela redução de 46 centavos, será válido pelos próximos 60 dias. A partir daí, ou seja, daqui a dois meses, só haverá reajustes mensais. Assim, cada caminhoneiro poderá planejar melhor seus custos e o valor do frete.

Terceiro ponto: estou editando uma medida provisória para que seja cumprida em todo o território nacional a isenção da cobrança do eixo suspenso nos pedágios de rodovias federais, estaduais e municipais.

Quarta decisão: assinei uma segunda medida provisória para garantir aos caminhoneiros autônomos 30%, pelo menos, dos fretes da Conab, a Companhia Nacional de Abastecimento.

Quinto ponto: assinei também uma terceira medida provisória estabelecendo a tabela mínima de frete, conforme prevista no projeto de lei 121. Essa decisão foi tomada após diálogo que mantive com o presidente do Senado Federal, senador Eunício Oliveira.

Gostaria de reforçar que as medidas negociadas anteriormente e assinadas pelos ministros e pelas lideranças seguem valendo. Entre elas, apenas para citar uma, está o acordo de que não haverá reoneração da folha de pagamento do setor de transporte rodoviário de carga.

Passei essa semana voltado para atender as reivindicações dos caminhoneiros e preocupado com cada brasileiro e brasileira que enfrentou dificuldades nesses dias. Fizemos nossa parte para atenuar problemas e sofrimentos.

As medidas que acabo de anunciar atendem às reivindicações que nos foram apresentadas. Por isso, quero manifestar a plena confiança no espírito de responsabilidade, de solidariedade e de patriotismo de cada um.

No 7º dia de protestos, ocupação continua na BR-116; segunda-feira será de novos bloqueios no Ceará


No 7º dia de protestos, ocupação continua na BR-116; segunda-feira será de novos bloqueios no Ceará


No sétimo dia da greve dos caminhoneiros, a BR-116, em Eusébio, na altura do km 18 (próximo à Fábrica Fortaleza), continua ocupada. De acordo com um dos organizadores, carros de passeio trafegam livremente neste domingo, 27. Já os caminhões são convidados a parar e aderir à manifestação que pôs o poder público em alerta. A ocupação deve continuar nesta segunda-feira na via, à partir das 8 horas. A CE-040, na altura do Colégio Farias Brito do Eusébio, também deve receber manifestantes. A informação é do O Povo.

Na última sexta-feira, 25, o Ceará chegou a ter 15 rodovias com trechos bloqueados. Desde o início do dia, a Polícia Rodoviária Federal não repassa mais informações sobre os bloqueios. De acordo com a assessoria do órgão, por se tratar de uma “questão nacional”, as divulgações seriam feitas nacionalmente. Porém, o link disponibilizado para o acesso às informações não é atualizado desde às 22h deste sábado, 26.

De acordo com Roberto Guimarães, presidente da Cooperativa dos Proprietários de Caminhões e Máquinas do Estado do Ceará (Coopercam), a greve deve continuar nesta segunda-feira, 28. “Não estamos fazendo bloqueios, é uma manifestação. Carros pequenos passam livremente. Os caminhões passam e, na cabeça da fila, são parados, existe uma conversa. O motorista é convidado a parar meia hora, uma hora, e depois continuar. Os que ficam é porque querem ficar”, explica.

Nesta manhã, o governador Camilo Santana (PT) e o prefeito Roberto Cláudio (PDT) se reuniram para discutir os efeitos da greve no Estado. Caminhões-tanque foram escoltados para levar combustível para o Aeroporto Internacional Pinto Martins e, dessa forma, seguir o cronograma de distribuição de combustível.

Nos grupos de WhatsApp dos caminhoneiros, a ordem é manter a paralisação, pelo menos, até terça-feira, 29. A indicação é continuar liberando as estradas, estacionando em pontos estratégicos.

Grupo armado faz arrastão em campeonato de motocross de Acopiara

O 8° Motocross realizado no sítio Bom Princípio, em Acopiara terminou de forma inesperada neste domingo (27).

Aproximadamente quatro elementos encapuzados, fortemente armados, saíram do mato, anunciaram um assalto no bar do evento levando todo o dinheiro das vendas.

Segundo relatos, o dinheiro arrecadado na bilheteria também foi roubado pelos meliantes somando um total de R$ 10 mil.

Alguns disparos foram efetuados pelos criminosos e muito corre, corre. Outra informação que chegou ao conhecimento do blog é que uma pessoa deu entrada no hospital lesionados com um disparo na perna, provavelmente atingida no evento.

Sem combustível, motoristas compram álcool em farmácias para abastecer veículos

A greve dos caminhoneiros e a crise de combustível que assola o País fez com que os motoristas recorressem ao álcool de farmácia para abastecer tanques de motocicletas e carros flex. De acordo com o Portal Brasil, os relatos são de que os estoques de álcool com teor de 93º GL esgotou em diversas drogarias do Brasil.

“Vendemos diariamente entre duas e três unidades. Nos últimos três dias, comercializamos 84 garrafas”, disse o gerente de uma farmácia, que ainda revelou que o cliente que levou a última garrafa disse que perguntou para um frentista de posto se poderia utilizar o produto para abastecer sua motocileta e foi informado que não havia problema.

Entretanto, o uso do álcool só pode ser usado como paliativo. O protudo de graduação mais baixa, como o 54º GL vendido em supermercados e utilizado para limpeza doméstica, tem concentração de água mais alta e dificilmente fará o motor funcionar.

Com informações do O Povo.

Falta de combustível gera confusão e briga em posto de gasolina em Iguatu


A falta de combustível no Ceará tem causado cenas deploráveis. A mais recente foi em Iguatu neste domingo (27). Teve gente entradno no tapa por gasolina. A informação é do Ceará News 7


domingo, 27 de maio de 2018

Motoristas de van escolar alertam para "colapso" do serviço na terça-feira

Sindicalista alerta que a crise de abastecimento do diesel pode deixar vans sem combustível, obrigando a categoria a paralisar o transporte de crianças às escolas a partir da próxima terça-feira, no Ceará

    


Vans escolares fizeram mobilização neste sábado com buzinaços em Fortaleza, em adesão ao movimento de caminhoneiros ( VC Repórter )

Os motoristas de van escolar do Ceará  aderiram ao movimento nacional dos caminhoneiros, fizeram mobilização, na manhã deste sábado, e alertam que, a partir da próxima terça-feira (29), podem paralisar o transporte de alunos com o "colapso" no abastecimento de combustíveis.



Segundo o Sindicato das Empresas, Micro-Empresas e dos Transportadores Autônomos de Escolares do Estado do Ceará (Setrece), a mobilização foi iniciativa de proprietários de vans da Messejana. Um comboio saiu do estádio Castelão, passou pelo aeroporto e se uniu ao bloqueio dos caminhoneiros no Cais do Porto. Outra frente de motoristas se dirigiu à BR-116, no trecho de Itaitinga (a 30 km da capital), levando alimentos para os manifestantes.



"Desde quinta-feira, os transportadores escolares começaram a aderir ao movimento, primeiro em São Paulo, e agora do Norte ao Sul do Brasil", informa o assessor sindical da entidade no Ceará, Roberto Monteiro.



São cerca de 900 vans escolares cadastradas em Fortaleza. Na mobilização deste sábado, foram cerca de 50 veículos que participaram do ato, com direito a buzinaços e sinalização com pisca-pisca de luz. Outras 50 vans se deslocaram até Itaitinga.



"Queremos chamar atenção para o impacto do diesel em nossa atividade: temos enfrentado reajuste diário de 1% no preço. Não temos como repassar esse aumento para nossos clientes, os pais das crianças que transportamos", afirma Monteiro.



A previsão do sindicalista é que, no Ceará, só resta combustível para abastecer as vans até a próxima terça-feira.



"Prevemos um colapso a partir de terça. Seremos obrigamos a paralisar o transporte escolar se nada for feito para resolver a crise", alertou Monteiro.



Ele disse que as mobilizações da categoria são pacíficas e que a entidade encaminhou uma pauta de reivindicações para as instâncias municipal e estadual, que incluem isenção de tributos como o IPVA e o ISS.




"Cerca de 90% das vans do transporte escolar são movidas a diesel", estima o assessor sindical.

Homens trocam socos durante briga por gasolina em posto do Distrito Federal

A escassez de combustível no País, provocada pela greve dos caminhoneiros que já dura cinco dias, levou dois homens a trocarem socos no Distrito Federal, em um posto da região administrativa de Gama. Os dois chegam a se engalfinhar no chão do local, em meio a recipientes de plástico. Uma mulher se intromete na briga, batendo em um deles com um recipiente vazio. As informações são do portal G1. A confusão dura cerca de 30 segundos e foi registrada em vídeo que circula pelas redes sociais.
Segundo empresários do setor de postos de combustíveis, o abastecimento deve ser normalizado nesta segunda-feira, dia 28. A orientação é para que a população não armazene gasolina em casa – o que pode provocar incêndios, além de prejudicar a volta à normalidade.
A Petrobras informou que todas as suas unidades estão em operação e que busca apoio das autoridades para que sejam tomadas medidas que garantam a circulação nas refinarias onde há bloqueio nas vias de acesso.

"A partir das refinarias, os combustíveis seguem para as distribuidoras, que estão gradativamente retomando o abastecimento, priorizando os serviços essenciais. O apoio recebido das forças de segurança tem se configurado essencial para o esforço necessário neste momento", informou a empresa em resposta ao Broadcast sobre a presença do Exército e da polícia em suas unidades produtivas.

Tentativa de homicidio em Iguatu


Na noite deste último sábado dia ( 26), por volta de 18h40min, a Polícia Militar foi informada a respeito de disparos de arma de fogo ocorridos na Rua Orígenes Rabelo, bairro Prado, Iguatu.

De imediato a composição do Raio 17 foi até o local e receberam informações de populares que uma pessoa havia sido ferida e socorrida para o Hospital Regional de Iguatu.

Os policiais foram até o local onde encontraram a vítima, I.M.L. 16 anos, onde o mesmo informou que estava com sua namorada e um outro adolescente no referido endereço do bairro Prado, quando dois homens e uma mulher, em duas motocicletas, passaram e atiram contra eles, lesionando a vítima com um tiro de raspão na coxa direita, e fugindo em seguida.
Diligências estão sendo realizadas no intuito de localizar os autores do crime.

sábado, 26 de maio de 2018

Ceará já chegou à média histórica nas precipitações da quadra chuvosa


Ceará já chegou à média histórica nas precipitações da quadra chuvosa


O Estado do Ceará já chegou à média histórica nas precipitações da quadra chuvosa de 2018. De fevereiro a maio deste ano, registrou 582,6mm e está apenas 3% abaixo da média, que registra 600,7mm. A previsão da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) é que, até o fim de maio, a média seja alcançada, embora, após o fim da quadra, as chuvas devam diminuir. Segundo a Funceme, o aporte nos açudes cearenses, a partir de junho, também deve ser inexpressivo. A informação é do Diário do Nordeste.

A previsão para os próximos e últimos dias da quadra chuvosa, que se estende até o fim de maio, é ainda de precipitações positivas. De acordo com a Somar Meteorologia, "a tendência, até o final desse mês, é que a ZCIT continue a agir na faixa Norte do Estado. Ela vai começar a perder força na virada do mês, entre 30 de maio e 3 de junho, no Ceará. Em junho, ela estará fraca no começo, mas vai voltar com um pouquinho de força entre os dias 4 e 8, ainda que não seja como no início da quadra chuvosa".

Com o fim do período chuvoso, o aporte de água nos açudes cearenses deve ser irrisório. Segundo a Funceme, o Estado "não deverá ter mais aporte após o término da quadra chuvosa, a não ser que a partir do fim de maio comecem a aparecer chuvas causadas pelo fenômeno das Ondas de Leste". O fenômeno causa instabilidades atmosféricas por ondas de pressão, formando aglomerados de nuvens de chuva na zona Leste e Nordeste do Estado, próximo aos estados do Rio Grande do Norte e Paraíba, e algumas vezes alcança o Ceará. Mesmo que haja precipitação devido a esses eventos, não se esperam chuvas muito intensas, que devam transformar a situação hidrológica do Estado.

Atualmente, o Ceará conta com 17,1% do volume total dos açudes monitorados. Dos 155 reservatórios, 18 ultrapassam 100% da capacidade e estão sangrando, 12 estão com volume acima de 90% e 83, abaixo de 30%. O Castanhão, maior reservatório do Estado, saiu do volume morto e está com 8,61%, segundo o monitoramento da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh).

Caminhoneiros seguem com manifestações em rodovias neste sábado

Caminhoneiros seguem com manifestações em rodovias neste sábado


Caminhoneiros seguem com mobilizações em rodovias de todo o País neste sábado, 26, no sexto dia de protestos. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) ainda não informou o número de interdições na manhã. Na sexta-feira, 25, o presidente Michel Temer acionou as forças de segurança nacionais para desbloquear rodovias.

O decreto, publicado no Diário Oficial da União, autoriza o emprego das Forças Armadas no contexto da Garantia da Lei e da Ordem (GLO) até o dia 4 de junho.

Estudante é assaltada na Praça da Matriz em Iguatu

Na manhã desta última sexta-feira,25, por volta de 09h20min, os militares de Iguatu foram acionados via Copom para a Praça da Matriz , acerca de um roubo ocorrido naquela localidade, a vítima foi uma estudante de 19 anos, mesma teve seu Celular roubado por um elemento armado a revólver de bicicleta não identificado, após o roubo o meliante fugiu e tomou rumo ignorado. Estão sendo feitas diligências para identificar e prender o acusado.

Governo publica decreto que autoriza uso de Forças Armadas para desobstruir vias

O governo publicou em edição extra do Diário Oficial da União o decreto que autoriza o uso das Forças Armadas para desobstruir estradas que enfrentam atos de paralisação dos caminhoneiros. Pelo texto, a GLO (Garantia da Lei e da Ordem) passou a valer nesta nesta última sexta-feira (25) e se estende até o dia 4 de junho. As ações poderão ser feitas em rodovias federais, estaduais, municipais ou distritais. A coordenação é de competência do Ministério da Defesa em conjunto com a pasta da Segurança Pública.

As Forças Armadas poderão remover ou conduzir veículos que estejam obstruindo via pública, escoltar veículos que estejam prestando serviços essenciais ou que estejam transportando produtos essenciais. A atuação fica autorizada ainda para proteção de infraestrutura considerada crítica.

Junto ao decreto assinado pelo presidente Michel Temer, o DOU extra traz uma portaria do Ministério de Segurança Pública que autoriza o uso da Força Nacional nas ruas.

As medidas foram anunciadas no início da tarde por Temer, em pronunciamento feito à nação.

O governo formou um gabinete de crise para monitorar os desdobramentos dos protestos de caminhoneiros que provocam uma crise de abastecimento no país.

A decisão em usar Forças Armadas para desbloquear as rodovias ocorre depois de os caminhoneiros não terem cumprido acordo firmado com o Executivo, que suspendia os atos em 15 dias em troca de ações que diminuem o preço do diesel.

Os protestos tiveram início na segunda-feira (21) e preocupam o Palácio do Planalto diante da falta de produtos e serviços. No fim de semana, quatro reuniões estão programadas para o monitoramento das ações. O governo aposta em uma desmobilização a medida em que representantes de associações começam a pedir que as atividades dos caminhoneiros voltem ao normal. Com informações do Folhapress

Delegado Regional de Iguatu afirma motivação da execução de estudante em Iguatu



Delegado Regional de Iguatu afirma motivação da execução de estudante em Iguatu


O delegado regional de Polícia Civil de Iguatu, Jerffison Pereira,afirmou que a Polícia Civil elucidou a motivação da morte do estudante, Jheyenderson de Oliveira Xavier, conhecido por Jhey, 25 anos, ocorrida na última sexta-feira. O corpo da vítima foi encontrado nesta quarta-feira, 23, em uma cova escavada em um matagal, no sítio Canto, no distrito de Suassurana, zona rural do município. A informação é do Diário do Nordeste.

“A motivação não se relaciona com a prática de magia negra, mas por uma espécie de vingança, foi um crime premeditado”, disse o delegado. “Verificamos imagens de câmeras de um posto de combustível, vimos os acusados com a vítima na sexta-feira passada, e depois localizamos o carro alugado que os levaram para a casa em Suassurana”.

Inicialmente, os acusados negaram participação no crime. O autointitulado Pai de Santo, Gleudson Dantas Barros, 30 anos, acabou confessando para o delegado o motivo do crime, que estaria relacionado com um desentendimento entre ele e a vítima, em uma festa há mais de um ano.

“Depois da briga entre ambos, Barros teria avaliado que perdera clientes e ficara com a imagem abalada por perder o controle emocional e entrar em agressão corporal”, contou o delegado. “Ele nunca esqueceu o fato”. O comparsa então propôs a morte do jovem que foi executado na sexta-feira. O acusado disse que os dois tiros na cabeça que mataram o jovem estudante foram disparados por um adolescente que estaria em outra cidade.

Prisão

Os dois homens presos acusados de participação direta no homicídio do estudante, ocultação de cadáver e posse ilegal de arma de fogo são: Roberto Alves da Silva, 41 anos, e Gleudson Dantas Barros, 30 anos.

Magia Negra

Segundo investigação da Polícia Civil, a casa onde o estudante foi assassinado é local de prática de magia negra e de consumo de drogas.

“Na casa dos acusados, encontramos vários livros de magia negra e ocultismo, um revólver calibre 38 municiado, duas cápsulas calibre 38 deflagradas, o aparelho celular da vítima, esculturas de entidades relacionadas ao ocultismo, um crânio humano, além de outros objetos relacionados a rituais satânicos”, pontuou o delegado, Wesley Alves.