terça-feira, 4 de julho de 2017

POLÍCIA PRENDE NO CEARÁ GRUPO QUE SE PREPARAVA PARA COMETER HOMICÍDIOS EM SOBRAL

Uma operação da polícia prendeu um grupo que se preparava para cometer homicídios em Sobral, Região Norte do Estado. De acordo com a polícia, quatro pessoas foram presas e cinco armas de fogo foram apreendidas.

As investigações acerca do fato iniciaram com a Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), que apurava informações sobre um esquema criminoso envolvendo armas e entorpecentes, entre as cidades de Fortaleza e Sobral. Com isso, a delegacia especializada intensificou as apurações, e por meio de um trabalho conjunto com as delegacias de Sobral e equipes da Polícia Militar, uma residência, onde estavam os suspeitos capturados, foi localizada no Bairro Terrenos Novos.

Prisão e fuga

De acordo com a polícia, ao perceberem a chegada da polícia, alguns dos indivíduos conseguiram empreender fuga, por um matagal situado nos fundos da propriedade. Dois homens foram presos e dois adolescentes apreendidos.

No telhado da casa, os profissionais de segurança encontraram, ainda, uma mochila com três pistolas, dois revólveres, aproximadamente 141 munições, cerca de 500 gramas de cocaína, 1.300 pedras de crack, balaclavas, aparelhos celulares e dois mil reais em espécie. As investigações apontam que o grupo se articulava para matar desafetos na região.

"É importante ressaltar que mais que uma apreensão de armas, evitamos diversos homicídios na região e assim preservamos o bem maior que é a vida", afirmou o delegado Márcio Lopes, um dos coordenadores da ação policial.

Todo o material e os suspeitos foram conduzidos para a Delegacia Regional de Sobral. Os indivíduos foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico, posse ilegal de arma de fogo e na Lei das Organizações Criminosas.

Os dois homens também foram indiciados por corrupção de adolescentes. Além disso, a Polícia Civil investiga o envolvimento de um dos suspeitos em um homicídio ocorrido em maio deste ano. Os trabalhos policiais permanecem no intuito de prender outros envolvidos. Participaram das ações composições do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) e do Comando de Policiamento Comunitário (CPCom) da Polícia Militar.



G1
(MATERIA EXTRAIDA DO PORTAL ORÓS)

0 comentários:

Postar um comentário